Ouça rádio Aliança-Macarani
 

Reserve já seu espaço aqui

PMDB Macarani

o trabalho não pode parar

 
Reserve já seu espaço aqui
 

Fique por dentro do tempo

Clique na imagem para mais detalhes

 

  História de Macarani

  Esporte Mundo

  Jornal A Tarde - Bahia

  Jornal Correio da Bahia

  Tribuna da Bahia

 Outros Jornais baiano

 

 

Prefeito Carlinhos fala sobre obras, festa de São Pedro e Politica, no programa Tribuna Livre comandado pelo radialista Jota Santos, na rádio Aliança FM

clique e ouça

 

Prefeitura de Macarani investe em obras recursos arrecadados com o IPTU

pavimentação de ruas no bairro Novo Horizonte

A Prefeitura de Macarani trabalha diuturnamente para melhorar a qualidade de vida dos macaranienses. Veja abaixo para onde está indo o dinheiro arrecadado com o pagamento dos principais impostos, a exemplo do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU).

Em mais uma demonstração de seriedade e transparência no trato do dinheiro público, o prefeito Carlinhos, em entrevista a rádio Aliança, anunciou quais serão as destinações e encaminhamentos dos recursos arrecadados com o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) no exercício de 2015 até o momento em Macarani.

Estamos revelando o que está sendo feito e o que será feito com esse imposto, antes de mais nada, por respeito à população e ao contribuinte. Além disso, o povo poderá fiscalizar e cobrar a administração. Por isso estamos convocando a população a pagar o IPTU, assim será possível devolver, com rapidez, esse dinheiro em forma de benefício aos munícipes”, disse o prefeito, que tem buscado também recursos federais para obras que trarão progresso e desenvolvimento à Macarani.

“Temos buscado a parceria com o Governo Federal, mas não estamos esperando somente verbas de Brasília. A prefeitura está investindo recursos próprios em muitas melhorias para a nossa cidade, até como contrapartidas para esses recursos federais”, acrescentou.

“O pagamento dos impostos é importante, pois há um retorno desse dinheiro pago pela população. A arrecadação dos impostos é bem aplicada pela prefeitura e traz conforto e qualidade de vida para o povo. Diversas obras e ações da Prefeitura de Macarani são possíveis graças ao que é arrecadado em impostos, então é importante que a população da cidade perceba que seu dinheiro está sendo investido em benefícios para todos”, declarou o secretário de Obras Juraci Fernandes.

prefeito Carlinhos, sec. obras Juraci Fernandes e Playboy

Algumas obras já foram iniciadas outras concluídas e muitas estão para serem iniciadas, veja algumas ações do prefeito Carlinhos e sua equipe graças ao seu imposto.
Limpeza de ruas e praças, recuperação das estradas rurais, limpeza de rios e córregos, canalização da rede de esgoto do bairro Osvaldo Pistola e Antonio Beirão, pavimentação de ruas no bairro Novo Horizonte, pavimentação da av. Getulio Fernandes a ser iniciada, tudo isso e muito mais com o dinheiro dos contribuintes que pagam em dia seus impostos. Aqui em Macarani o dinheiro dos contribuintes é tratado com responsabilidade e clareza.

Depoimentos

Rodrigues, que reside no bairro Novo Horizonte com a esposa e um filho, a chegada do calçamento representa mais do que a eliminação do pó e da lama.

“Para nós é uma questão de saúde, porque tenho um filho com problemas de alergia e a pavimentação vai colaborar de forma direta para melhorar a saúde dele”, comenta.

A comerciante Edna Maria, afirma que é bom saber que o pagamento dos impostos foi investido nas melhorias do Hospital Municipal de Macarani. “A prefeitura está certíssima em usar nosso dinheiro, como contribuintes, em obras. O Hospital está hoje com uma estrutura muito melhor e muito mais humanizado, O atendimento melhorou muito de uns tempos para cá depois da mudança na direção e é bom saber que o benefício voltou para a população. Claro que ainda vai melhorar muito mais em alguns setores, mas, se favorece a população, está bom”, declarou.


Já o camioneiro, Nicanor, que trafega pelas estradas rurais do município também aprovou o trabalho de recuperação das estradas. “Estou bem satisfeito por ver que a prefeitura também gastou o dinheiro dos nossos impostos na recuperação da malha viária. É nisso mesmo que tem que investir”, disse.

Itabaí em festa, mais uma conquista

Distrito de Itabaí ganha Sistema de Tratamento de água


prefeito Carlinhos, Vereador Zezé e Playboy

Segundo o prefeito Carlinhos, o sistema de água tratada era uma reivindicação feita pela população de Itabaí e que está sendo atendida agora pela prefeitura de Macarani e pelo Governo do Estado, através da Cerb. “Desde o início de nossa administração estamos buscando viabilizar esse empreendimento, que dentro de poucos dias será uma realidade, proporcionando melhorias na qualidade de vida daquela população”, ressalta o prefeito.

A implantação de um Sistema de Abastecimento de Água Tratada em Itabaí faz parte do programa de requalificação e melhorias do distrito, povoados e comunidades rurais de Macarani. “Aos poucos, estamos conseguindo levar obras e serviços à população do interior, a exemplo de escolas, cultura, assistência médica semanal, estradas e muito mais”, disse o prefeito Carlinhos .
Recentemente, o distrito de Itabaí recebeu um PSF que está em fase final de construção e que mais parece um mini-hospital.

população agradece o prefeito pela estação de tratamento

Informa o prefeito Carlinhos, que o Sistema de Abastecimento de Água tratada de Itabaí está sendo construído pela empresa Metro Engenharia e Consultoria Ltda. “Venho mantendo entendimentos sobre a implantação desse importante serviço com o engenheiro responsável da Cerb, que se empenhou em construir e entregar o equipamento o mais rápido possível”, disse Carlinhos.
De acordo com Termo de Compromisso firmado entre a Prefeitura de Macarani e a Cerb, logo que concluído, o equipamento será administrado pelo Município, na qualidade de titular do serviço público de saneamento básico. Para assumir a operação da estação de tratamento de água, a Cerb irá realizar a capacitação de duas ou mais pessoas indicadas pela Prefeitura para operar o sistema.
Está obra também está sendo acompanhada pelo empresário Playboy que sempre está ao lado da administração do prefeito Carlinhos.

 

 

 

 

 

 

CRÔNICA Edson Ribeiro

MEDO DAS PANELAS

Nunca antes na história desse pais, como gosta de dizer o “capo”, seja nos períodos democráticos, seja mesmo durante os períodos ditatoriais, um presidente da Republica deixou de ocupar a rede nacional de radio e televisão para dirigir-se aos trabalhadores no dia 1ª de maio, desde que Getúlio Vargas regulamentou os direitos trabalhistas, nas décadas de 1930/40 e tornou-se o “pai dos pobres” e dos “trabalhadores do Brasil”, aliás, com justiça. A “presidenta” Dilma Roussef quebrou o protocolo na ultima sexta-feira. Com claríssimo medo dos panelaços que certamente acompanhariam seu pronunciamento, a “presidenta”, aconselhada, ou não, por seus pux..., leia mais..

   
 

 

PREFEITO ALÉCIO CHAVES CONFIRMA EXONERAÇÃO DO SECRETÁRIO DE SAÚDE

Apesar da forte pressão que vinha sendo exercida por setores ligados à administração municipal, o prefeito em exercício Alécio Chaves (PT) não voltou atrás na sua decisão de demitir o médico Emmanoel Souza Santos, do cargo de Secretário Municipal de Saúde.

A exoneração foi consumada no início da tarde desta quarta-feira (29), depois de uma conversa entre Alécio e o Dr. Emmanoel, oportunidade em que o médico foi comunicado da decisão do chefe do executivo, que determinou a imediata expedição do Decreto de Exoneração, cuja publicação deverá ocorrer nesta quinta-feira, no Diário Oficial Eletrônico da prefeitura.

A decisão de Alécio Chaves demonstrou a sua maturidade e equilíbrio para o exercício do cargo de prefeito, mesmo em caráter interino, até porque o secretário de saúde havia sido condenado pela Justiça Federal, em ação movida pelo Ministério Público Federal, cuja sentença determinou a sua proibição de exercer cargo público, pelo prazo de três anos.

Caso ignorasse a decisão da Corte Federal, Alécio teria que responder, solidariamente com Zé Carlos, pelo grave crime de responsabilidade, cujas consequências poderiam inviabilizar a sua carreira política, além dos efeitos nos âmbitos civil e penal.

Nas próximas horas, o nome do substituto do secretário demitido Emmanoel Santos, deverá ser anunciado pelo prefeito em exercício. fonte:sudoestehoje

   
 

 

Indústria de calçados volta a ter vitalidade

O Governo do Estado conseguiu reocupar no Sudoeste da Bahia todos os 18 galpões industriais que foram fechados pela Vulcabras/Azaléia. E em apenas dois dos galpões – em Itati, distrito de Itororó, e em Itapetinga – não funciona uma nova fábrica de calçados, mas uma fundição e uma indústria têxtil.

Nos demais 16, distribuídos entre os municípios de Itapetinga, Itororó, Firmino Alves, Itambé, Caatiba, Macarani, Potiraguá, Itarantim, Maiquinique, Ibicuí e Iguaí, se consolida, e cada vez mais se expande, um polo industrial de calçados femininos dominado pelas marcas Lia Line, Bárbara Krás e Renata Mello, todas elas originárias de Santa Catarina, transportando para a Bahia a pujança do Vale do Rio Tijucas, a 70 km de Florianópolis – um dos maiores polos industriais de calçados femininos do país. Além das três novas indústrias calçadistas, a fábrica da Vulcabrás/Azaléia sediada em Itapetinga continua a produzir normalmente, com 5.800 trabalhadores empregados.

Na próxima quinta-feira, 30 de abril, na Câmara Municipal de Itapetinga, às 9h, o secretário de Desenvolvimento Econômico, James Correia, acompanhado do presidente da FIEB, Ricardo Alban, assina os últimos contratos dos galpões que serão ocupados pelas companhias Lia Line e Renata Mello. “A infraestrutura pronta e uma oferta de mão-de-obra especializada, formada pela Vulcabras/Azaléia, é que está transformando Itapetinga e região em um polo de calçados femininos, com moda diferenciada e maior valor agregado. O que essas três indústrias estão produzindo são verdadeiras obras de artes para os pés”, explica Correia.

SEIS GALPÕES DA LIA LINE

Instalada na Bahia desde junho de 2013, a Lia Line, do Grupo Irmãos Soares, cuja matriz é em Nova Trento/SC, ocupa seis galpões industriais em Itapetinga, Itororó, Firmino Alves e Ibicuí. A companhia já investiu R$ 16,7 milhões desde que chegou à Bahia, triplicando a produção dos sapatos e sandálias femininas das marcas Lia Line e Sua Cia, essa voltada para o público jovem. Em junho do ano passado, a Lia Line ocupou também os galpões do distrito de Rio do Meio, em Itororó, e de Firmino Alves. Agora, vai começar a produzir em Ibicuí. Ao todo, a empresa já emprega cerca de 1.700 trabalhadores em suas unidades fabris da Bahia.

“Estamos apostando na exportação. As novas unidades industriais serão voltadas para o mercado externo, principalmente Europa e América do Sul, embora não descuidemos do nosso excelente mercado regional. Somente na Bahia, nosso principal mercado no Nordeste, estamos em 593 pontos de venda”, diz o diretor-presidente da empresa, Irivan Soares.

A ocorrência de uma mão-de-obra qualificada, com experiência na área calçadista, foi um dos fatores que também contribuíram para a rápida expansão da Bárbara Krás – cuja razão social na Bahia é Calçados Itambé. A empresa, cuja matriz é no município de São João Batista/SC, começou a operar em Itambé no início do ano passado e, em setembro, no mesmo município, deu partida à sua segunda linha de produção. Em seguida, abriu três novas unidades industriais: duas em Macarani e uma em Caatiba.

“Ao todo, já são R$ 10 milhões de investimentos na Bahia e a geração de 900 empregos diretos. A nossa meta com as fábricas no Sudoeste baiano é produzir 10 mil pares/dia, com o foco no mercado brasileiro que é muito grande.Nossa fatia de exportação é muito pequena – em torno de 1% – mas queremos aumentá-la. Investir na Bahia é para nós uma oportunidade de crescimento, porque o apetite das nossas consumidoras por moda de qualidade continua muito grande”, diz Adalberto Soares, diretor da Barbara Krás.

Seguindo o rastro da Lia Line e da Bárbara Krás, a última marca catarinense do Vale do Rio Tijucas a aportar no Sudoeste Baiano é o grupo Suzana Santos, que na Bahia irá produzir a linha de calçados femininos Renata Mello. A companhia também responde pelas marcas Suzana Santos, Arts’Brasil e Azillê. A indústria,originária de São João Batista/SC, irá ocupar os galpões de Iguaí, Potiraguá, Maiquinique e Itarantim, com investimentos de R$ 10,2 milhões e geração de 2.500 empregos diretos. Em Itarantim irá funcionar também um centro de distribuição, com área de 4 mil m2, para atendimento aos mercados do Norte/Nordeste. A produção das novas unidades fabris da Bahia irá reforçar o abastecimento do mercado brasileiro, alem de ser exportada para países da América do Sul e Central, Rússia e Filipinas.

“Nossa aposta na Bahia é a do crescimento. Hoje, produzimos 16 mil pares de calçados femininos/dia e vamos dobrar essa produção. Além disso, precisamos estar mais perto das nossas consumidoras. Por causa da distância e da logística complexa, chegamos a demorar 25 dias para entregar um par de calçados. Com as unidades da Bahia, esse tempo cai para quatro ou cinco dias”, aposta Janderson Marchiori, diretor-executivo do grupo Suzana Santos.

CALÇADOS BAIANOS

Atualmente, o parque industrial baiano é composto de 54 empresas de calçados e 25 de componentes localizadas em 32 municípios. Na esfera da arrecadação de ICMS o segmento calçadista não tem uma participação significativa, a sua importância econômica pode ser avaliada através da geração de postos de trabalho. Contudo, acompanhando o desempenho da indústria nacional com o impacto dos calçados asiáticos, em 2011, o setor na Bahia sinalizou redução no seu estoque de emprego. fonte:itarantimonline

   
 

A COISA NÃO ANDA MESMO BOA, AZALEIA AMEAÇA DEMITIR TODOS!

As dificuldades são tão grandes nestes últimos dias, tanto para indústria como para trabalhadores que o impasse aparece na vida de quem depende de um emprego mas, sente na pele o salário cada vez mais devasado, dado ao constante aumento de preço em que convive neste momento os brasileiros, aumentou a conta de luz, água, alimentos, vestuários etc... e em meio a essa situação, a empresa calçadista AZALÉIA de Itapetinga, ameaça demitir todos os funcionários e fechar a fábrica.

Vamos aguar e torcer para que a situação se contorne, pois o impacto na economia da região seria muito ruim dado ao momento crítico da economia do nosso país, graças a Deus, Itarantim logo terá a empresa Suzana Santos, funcionando em nossa cidade, onde serão criadas mais de quinhentas vagas de emprego, conquista essa que irá mudar a vida de muitos de nós itarantienses. fonte: itarantimagora

 

 

 

Galeria de Fotos    Mural de recados        Nosso Jornal     Nossos Arquivos

Banco do Brasil
Caixa Ecônomica Federal
Bradesco
Itaú
Banco do Nordeste
HSBC
2ª Via Telemar
2ª Via Coelba
2ª Via OI telefone
Busca CEP - Correios
Detran - BA '
Resultados Loterias

Visitante nº

Direitos reservados a Local Net - setembro de 2008

Contato: vandolimaeol@hotmail.com